RIO POIO - O IMPERADOR !!!

.
FIUME POIO - L'IMPERATORE!!!

RIVER POIO – the EMPREROR!!!

.
Sem margens para duvida que este rio oferece aos aficionados de actividades fluviais dos melhores, mais bonitos e mais completos canyonings de Portugal. Descreve-lo é uma tarefa bastante ingrata pois sabemos à priori que por muito que se escreva será sempre impossível transmitir a sua beleza e magnitude. A entrada para o percurso é na mini-barragem que se situa na aldeia de Alvadia e termina nas piscinas naturais do Cabriz, na zona de Ribeira de Pena, pertíssimo da saída da A7 para esta ultima localidade. O inicio do troço é feito por entre destrepes e piscinas numa paisagem soberba. Através das suas margens facilmente percebemos que nos meses de chuva o rio Poio atinge cotas bastante elevadas. Depois de dois pequenos rapeis, que servem bem para aquecer e treinar umas manobras de cordas, eis que nos surge a zona mais apetecível e marcante deste percurso. Vulgarmente designada por Fenda, esta passagem bastante estreita é constituída por cinco patamares até atingirmos o Poço. Em todos eles uma boa técnica no rapel e calma na sua abordagem é o segredo para se ultrapassar os mesmos sem qualquer problema. A paisagem? Indescritível. Deslumbrante desde o primeiro patamar até ao último. Para os mais ansiosos - leia-se nervosos também - são uns bons 60 a 90 minutos de adrenalina principalmente quando é a primeira vez. Obviamente que esta duração é menor caso a equipa seja experiente e reduzida.




Senza ombra di dubbio questo fiume offre agli affezionati delle attività fluviali uno dei migliori, più belli e pià completi canyonings del Portogallo. Descriverlo è un compito abbastanza ingrato poichè sappiamo in partenza che per quanto si scriva sarà sempre impossibile trasmettere la sua bellezza e la sua grandezza. L'entrata per il percorso e' nella mini diga che è situata nel paesino di Alvadia e la fine è nel fiume Cabriz, nella zona della Ribeira de Pena, vicinissimo all'uscita dell'A7 per quest'ultima località. L'inizio del tratto va fatto tra discese e piscine in un paesaggio superbo. Attraverso i margini comprendiamo facilmente che nei mesi di pioggia il fiume Poio raggiunge quote abbastanza elevate. Dopo due piccoli rapel, che servono per scaldarsi bene e allenare alcune manovre con le corde, ecco che raggiungiamo la zona più impegnativa e marcante di questo percorso. Volgarmente chiamato la Fenda (fenditura) questo passaggio piuttosto stretto è costituito da cinque discese fino al raggiungimento del Pozzo. In tutte le discese una buona tecnica nel rapel e calma nell'abbordaggio sono il segreto per passare oltre senza alcun problema. Il paesaggio? Indiscutibile. Abbagliante dalla prima all'ultima. Per i più ansiosi -da leggersi anche: nervosi- sono buoni 60 fino a 90 minuti di adrenalina soprattuto quando è la prima discesa. Ovviamente quesa dirata si riduce in caso la squadra abbia esperienza e sia di numero ridotto.




No doubt that this river offers the fans of river sports one of the best, most beautiful and most complete canyon/river descents in Portugal. To describe Poio is quite an ungrateful task because we know that a lot can be said and still we might not be able to transmit its beauty and magnitude. The start is near a small dam situated in a small village called Alvadia and finishes in the natural pools of Cabriz ( in Ribeira de Pena, quite close to the highway A7´s exit to this locality ). The beginning of the route basically consists in walking downstream and swimming in a few pools surrounded by a superb landscape. Looking at its banks we can easily figure out that in rainy months river Poio reaches high water levels. After two small rappels ( or abseils ), quite good to warm up and practise some rope work techniques, comes the most desirable and appreciable part of the route. Commonly know as “Fenda” ( crack, split ), this section is shaped by five waterfalls until you get to ” Poço” ( large pool, well ). In any of these waterfalls, good rappel techniques and a calm approaching will help you overcoming it easily. The landscape? Indescribable. Dazzling from the start to finish! For the most anxious – and excitable too… – it´s about 60/90 minutes of adrenalin specially if you´re doing it for the first time. Obviously it takes less time if the crew is experienced and reduced.




FernandAlho





Lurdes




Tatiana




Dima "Russo"




Dima "Russo"





Inverno "Ricky"





Paulo Almeida




Ivan Toro





Pedro "Bica"




Paulo Almeida




Fenda





FernandAlho




Fenda




Tiago





Paulo e Tatiana




FernandAlho





Lurdes





Fenda





Dimas "Russo"




Tatiana





Pedro "Bica"




Paulo Almeida





Ultrapassada a Fenda e o Poço segue-se um salto limpo de 6 a 7 metros que nos abre a porta para uma longa caminhada por entre "boulders", de todas as dimensões e feitios, piscinas transparentes e grandiosas paisagens. É assim até à passagem mais alta deste rio, a famosa cascata "Cai de Alto". Um pouco antes, e um pouco depois, desta queda de água existem duas zonas para quem queira pernoitar nas margens do Poio e assim dividir este extenso canyoning em dois dias. Ambos os locais são espectaculares para passar uma noite de camaradagem e convívio, sendo o segundo mais abrigado do vento e o primeiro mais vistoso em termos de paisagem e pôr-do-sol. A grande cascata pode ser feita de uma só vez, tem a altura de 58 a 60 metros, ou pode ser fraccionada em duas distintas partes. À saída e até sensivelmente a meio, aonde se encontram as outras fixações, é um rapel normal mas a uma altura acima da média do que existe em Portugal Continental. A partir do segundo fraccionamento podemos encará-lo como um “tobogan” e deslizar pela pedra lisa, porém a utilização de corda e arnês é aconselhável e atenção ao último ressalto do lado esquerdo. Uma pancada nesse ligeiro desnível pode significar um cóxis partido !!!




Oltrepassata la Fenda e il Pozzo si esegue un salto pulito dai 6 ai 7 metri che ci apre la porta per una lunga camminata tra i “boulders” di tutte le dimensioni e forme, piscine trasparenti e grandiosi paesaggi. E così fino al passaggio più alto del fiume, la famosa cascata “Cai de Alto”. Un poco prima, e un poco dopo, di questa caduta d'acqua esistono due zone per chi voglia pernottare nei margini del Poio e così suddividere questo lungo canyonig in due giorni. Entrambi i posti sono spettacolari per passare una notte di cameratismo e convivio, il secondo più coperto dal vento e il primo più vistoso quanto a paesaggi al tramonto. La grande cascata può essere fatta in una volta sola, è alta dai 58 ai sessanta metri, o può essere frazionata in due parti distinte. L'uscita è più o meno a metà dove si incontrano gli altri fissaggi, è un rapel normale ma da una altezza sopra la media di ciò che si trova nel Portogallo Continentale. A partire dal secondo frazionamento possiamo definirlo come “tobogan” e scivolare sulla pietra liscia anche se l'utilizzo di arnese e corda è consigliabile e attenzione all'ultimo dislivello sul lato sinistro. Un colpo in questa leggera sporgenza può significare la rottura del coccige!!!



Surpassed the “Fenda”, follows a “clean” jump of about 6/7 metres that comes before a long walking along boulders of many sizes and shapes, crystal clear water pools and astonishing landscapes. It goes like this until you reach the famous “Cai de Alto” waterfall. Shortly before and right after this waterfall there are two spots where you can spend the night in case you want make this long descent in two days. Both are excellent to spend a night of fellowship and fun, being the second more sheltered from wind and the first a better option to enjoy the view and sunset. “Cai de Alto” waterfall can be rappelled down all at once – it´s about 58/60 metres high – or divided in two distinguished parts. From its top to its half or so – where the next anchors are - it´s a normal rappel ( only a bit above mainland Portugal´s height average ). As for the second half, we could face it as a “toboggan” and slide in the smooth rock being advisable the utilization of rope and harness. Watch out for the last rebound on your left unless you want to get a broken arse!!!




Paulo Almeida





Tatiana





Rio / Fiume / River Poio




Inverno "Ricky"





Paulo Almeida





Cai dAlto




Cai dAlto




Pedro Castro




Paulo Almeida




Pedro "Bica"




Pedro "Bica"




Cai dAlto




FernandAlho





Cai dAlto





FernandAlho e Tatiana (Cai dAlto)





Relax !!!




Sleeping Zone



Drink Zone




Fire Zone




Potates Zone





Eating Zone







A partir deste ponto e até ao fim continuamos a caminhar por entre grandes blocos de granito, a mergulhar em poços bem fundos, a nadar em piscinas simplesmente belas, com um rapel aqui e outro ali ... à medida que vamos chegando ao fim a civilização vai surgindo à nossa frente.
Sem duvida, o Poio é o Imperador dos canyoning em Portugal Continental !!!




A partire da questo punto e fino alla fine continuiamo a camminare in mezzo a grandi blocchi di granito, a immergerci in pozzi profondi, a nuotare in piscine semplicemente belle, com un rapel qua e là ... pian piano che arriviamo alla fine la civiltà và ricomparendo di fronte a noi.
Senza dubbio il Poio è l'imperatore dei canyoning del Portogallo Continentale !!!




From this point until the end, more walking along granite rocks, jumping to deep wells, swimming in beautiful pools, rappelling down here and there and as you reach the end of the route, civilizations starts to show up before you.

No doubt that river Poio is the emperor of mainland Portugal´s canyonings!!!





FernandAlho




Paulo Almeida




Tatiana

7 comentários:

gio disse...

espectacular

paulo disse...

Sim senhor.
Sem dúvida o imperador dos canyonings.
Da última vez que o fiz, o jantar não foi tão requintado. Vocês não perdoam.
Abraço
Paulo Lopes

Anónimo disse...

Dima "Russo" não ...Dima "Bielorusso" ...uma coisa é uma coisa outra coisa é outra coisa...

Parabéns pelas reportagem
Abraço

Anónimo disse...

Macacos...

nothingman disse...

Ricardo Grandes fotos
Vê se consegues aumentar o formato das fotos. O blog e a Report merecem.

Parabens

Rabiço

Wild Water Maniac
www.aquavertical.com

Ricardo Alves disse...

È sem duvida um dos grandes Imperadores.... :) Estou é ansioso por ver a Report dos Açores!!!
Abraço
Ricardo

WWW.canyones.blogspot.com

Anónimo disse...

river nation sempre a abril!!!!aquela da fire zone tinha a ver com motos????ahahah. GRANDES FOTOS