RIA de AVEIRO

LAGUNA di AVEIRO

AVEIRO LAGOON


Apesar deste blog pretender ser um espaço "CiberNautico" fortemente relacionado ao meio fluvial seria uma enorme injustiça o primeiro artigo não ser dedicado ao local que nos viu nascer para a canoagem. Sem duvida para quem vive em Aveiro, ou nos seus arredores, a Ria de Aveiro exerce grande influência tanto a nível físico, pois proporciona a todos os amantes de desporto um sem fim de actividades, como a nível psicológico já que a sua magia muda o estado de espírito de qualquer pessoa principalmente nos dias de sol. De certo que quem teve o prazer de chegar a Aveiro pela estrada A25 já sentiu esta magia que aqui retratamos. Para aqueles que não conhecem tal beleza da natureza podemos descrever este famoso local de Portugal como uma laguna costeira com aproximadamente 50 Km de extensão por 11 Km de largura que banha várias vilas e cidades do distrito de Aveiro donde se destacam Aveiro, Ovar, Murtosa, Mira, Ílhavo, Vagos, Esmoriz, Estarreja e Gafanha da Nazaré. Está ligada ao mar por um canal designado por boca da barra e é alimentada de água doce através dos rios Vouga, Antuã, Boco e Cáster.


Nonostante questo blog voglia essere uno spazio "CiberNautico" fortemente relazionato al mezzo fluviale, sarebbe un'ingiustizia enorme se il primo articolo non fosse dedicato al luogo che ci há visto nascere come canoisti. Senza dubbio per chi vive ad Aveiro, o nei dintorni, la Laguna di Aveiro comporta grande influenza sia a livello fisico, poichè offre a tutti gli amanti dello sport una serie infinita di attività, sia a livello psicologico, infatti la sua magia cambia lo stato spirituale di tutti soprattutto nei giorni di sole. Di certo chi há avuto il piacere di arrivare ad Aveiro sulla strada A25 há già sentito questa magia che riscopriamo qui. Per coloro che non conoscono questa bellezza della natura possiamo descrivere questo luogo famoso del Portogallo come una laguna costiera com circa 50 km di estensione per 11 km di larghezza che bagna molte località e città del distretto di Aveiro dove sono situate Aveiro, Ovar, Murtosa, Mira, Ílhavo, Vagos, Esmoriz, Estarreja e Gafanha da Nazaré. E' collegata al mare attraverso un canale appostio che sbocca alla barra e è alimentata d'acqua dolce dai fiumi Vouga, Antuã, Boco e Cáster.



Despite this blog claiming to be a "cybernautic" space strongly related to fluvial issues it would be unfair not to mention in this initial chronicle the spot that first saw some of us coming into the world of canoeing: Ria de Aveiro ( Aveiro lagoon). It has a great influence on those who live in Aveiro, or its surroundings, both physically – because it provides a wide range of activities to sport fans – and psychologically once its magic changes anyone´s state of mind, specially on a sunny day. Certainly those who have had the pleasure of driving to Aveiro by highway A25, has already experienced the magic we´re talking here. For those of you that don´t know this gift of nature, we describe this well known place in Portugal as a coast lagoon of about 50 km long and 11 km wide that bathes several small towns and cities in the area of Aveiro such as Aveiro itself, Ovar, Murtosa, Mira, Ílhavo, Vagos, Esmoriz and Gafanha da Nazaré. It´s binded to the sea through a strait called "Boca da Barra"and freshwater is provided by rivers Vouga, Antuã, Bôco and Cáster.




Inverno e David NO




Ria de Aveiro





Luis Vieira e Mariana




Sofia Barata




Rui Calado and the FisherMan





Ria de Aveiro




David NO





Bico Murtosa






Moliceiro




Costa Nova



Dentro deste mar interior, como alguns lhe chamam, existem várias ilhas que aumentam ou diminuem de tamanho duas vezes ao dia devido às diferentes cotas das marés. Algumas destas ilhas ficam completamente submersas quando a maré atinge o seu ponto máximo enquanto outras, que não são tão influenciáveis, são habitadas e utilizadas para criação de animais durante todo o ano. Obviamente que estes desnivelamentos também influenciam os canais por onde se pode ou não navegar, sendo aconselhável a todos os canoistas, que por lá se aventurem, saberem a tabela das marés e a tabela de desfasamentos horários para vários pontos. A ria é ainda um local de coabitação de várias espécies de aves e peixes que não deixam indiferentes por quem por aquelas águas navega. Para os observadores de aves as alturas ideais para remar por estas águas são no nascer ou no pôr-do-sol. Acreditem que não se vão arrepender !!!



All'interno di questo mare interiore, come lo chiamano alcuni, esistono varie isole che aumentano o diminuiscono di misura due volte al giorno a seconda della quota delle maree. Alcune di queste isole sono completamente sommerse quanto la marea raggiunge il proprio punto massimo mentre altre che non sono così influenzate, sono abitate e utilizzate per la riproduzione degli animali durante tutto l'anno. Ovviamente questi cambiamenti influenzano anche la navigabilità dei canali, ed è per questo consigliabile a tutti i canoisti che decidano di avventurarvisici conoscere la tabella delle maree e quella degli orari dei cambiamenti per i singoli punti. La laguna è poi un luogo di coabitazione di varie specie di uccelli e pesci che non lasciano indifferente chi naviga per quelle acque. Per gli osservatori di uccelli i momenti ideali per remare qui sono all'alba o al tramonto. Credete, rimarrete sorpresi!!!



Within this "inner" sea, as named by some, there are several islands that enlarge or diminish its size twice a day due to the different levels of the tide. Some of the islands get totally underwater as the tide reach its highest point while others, not so much under this influence, are inhabited and used to the raising of livestock all year long. Obviously, these level variations also influence the channels and its sailing conditions, being advisable to the canoeists some knowledge about the tides table and time lag to all the lagoon area. "Ria" is a place of cohabitation for several species of birds and fishes that sure will please those who dare to sail its waters. To bird lovers: sunsrise and sunset are definitely the best time of the day to watch. Believe me, you will not regret it!




Sara Monteiro e David NO




Cegonha / Stork / Cicogna




São Jacinto





Ruizito, Lurdes, Sara e David NO



A título de informação deixamos aqui o que pode ser um programa bem passado tanto dentro com fora da ria. Entrar com os kayaks logo a seguir ao esteiro de Salreu, acesso pela estação de comboios desta localidade, remar até ao bico da Murtosa, aonde se pode petiscar algo, seguir até São Jacinto e almoçar por esta localidade piscatória, voltar a ponto inicial. Asseguramos que será um excelente dia de canoagem e sugerimos que seja acompanhado com sol e pouco vento. Para quem queira estender mais esta odisseia pode ficar a pernoitar no parque natural da reserva de São Jacinto. Para aqueles que tenham quem lhes faça o transbordo dos veículos de transporte, em vez de voltarem ao ponto inicial podem apontar os barcos para Aveiro, Costa Nova ou Ílhavo. Caso queira conhecer esta zona e não tenha material e/ou experiência aconselhamos a entrar em contacto com uma empresa que conhece bem a zona e concebe programas à medida : http://www.portugalkayak.com/



A titolo informativo ecco qui quello che può essere un programma interessante tanto dentro quanto fuori dalla laguna. Entrare coi kayak subito dopo il braccio di Salreu, all'accesso della stazione dei treni di questa località, remare fino alla punta della Murtosa, dove si può mangiare qualche petisco, proseguire fino a São Jacinto e pranzare in questo luogo di pescatori, tornare al punto d'inizio. Assicuriamo che sarà un eccellente giornata di canoismo e suggeriamo che si faccia quando c'è sole e poco vento. Chi volesse prolungare questa "odissea" può pernottare nel parco naturale della riserva di São Jacinto. Coloro che vogliono fare il trasbordo dei veicoli di trasporto invece di tornare al punto iniziale possono salire sulle barche per Aveiro, Costa Nova o Ilhavo. A chi volesse conoscere questa zona e non abbia materiale o esperienza consigliamo di rivolgersi ad una impresa che conosce bene la zona e realizza programmi fatti su misura:
http://www.portugalkayak.com/



A few tips to that may help you spending a good time in "Ria de Aveiro". Get your kayak into the water right after the "esteiro de Salreu" (creek) – near the local railway station -, paddle to "bico da Murtosa" (small quay) – where you can drop by to eat something – then go to São Jacinto and lunch in this fishing locality. Then you can either return to the breaking point or to Aveiro, Costa Nova ou Ílhavo ( if you have someone to bring your vehicles there). It´ll surely turn out in an excellent day of canoeing specially if it´s sunny and not much windy. For those who want to expand the odyssey, we suggest spending the night at the São Jacinto Dunes Natural Reserve.
In case you want to get to know this area and don´t have the necessary equipment and experience, we advise you to get in touch with a company that knows it well and has proper activity programmes: http://www.portugalkayak.com/







RESERVA NATURAL DE SÃO JACINTO



Reserva Natural das Dunas de São Jacinto




BirdWatching




BirdWatching



Garça / Airone / Heron




Pôr-do-sol / Sunset / Tramonto (São Jacinto)




Amanhecer / Dawn / Alba (Ria de Aveiro)




Link


5 comentários:

Anónimo disse...

Deixam-me inspirada, pelo projecto e pelo propósito,...e com vontade de embarcar numa futura aventura convosco! De resto, confirma-se que em equipa geramos soluções bem + interessantes. Parabéns pelo conjunto! E Viva La Vita!!! Zé

Anónimo disse...

O blogg e o projecto são muito bonitos. Não deve haver nada mais revigorante do que comer pastelinhos de bacalhau à beira da ria, ver os desenhos das criancinhas e remar numa ria parada... No entanto para quem ainda não está na terceira idade pode sempre ver:
http://www.joost.com/33l83kg/t/Into-the-Tsangpo-Gorge#id=33l83kg

Bons pasteis de bacalhau

Anónimo disse...

Fiz muitos km assim e tenho de facto alguma nostalgia desses momentos que conheço bem. Acho que é um projecto interessante. Parabens a todos.

João Freitas

paulo disse...

Os meus parabéns pelo projecto e pela elevada energia que vão tendo para transmitir os vossos gostos emoções e sentimentos ao mundo que vos rodeia.
Um abraço
Paulo Lopes

fernando disse...

..nem sei porque vim a este blog!! É domingo, tá sol, 25 graus e nem uma nuvem..e eu em casa, de quarentena..! f...!!!
Experimentem dar umas pagaiadas na ria com este tempo,... experimentem, vá!! e vão ver se não agarra....

Parabens RiverNation..!
...todos prá água!